Avançar para o conteúdo principal

Mensagens

Adiamento de matricula- Duvida!!

Na sexta a caminho de casa toca o meu telemóvel ,vejo que é do agrupamento de escolas dos miúdos. Por momentos congelei mas rapidamente me acalmei pois do agrupamento só podia ser sobre as matriculas,
E assim foi, foi me pedido para ir fazer a matricula do Martim. Questionei sobre o adiamento mas a senhora não tinha qualquer informação sobre o assunto e pessoa responsável já tinha saído.
Já questionei a mediadora do processo mas também ainda não foi informada de nada.
A minha duvida é se mesmo que seja aprovado é necessário fazer matricula..
Há por ai alguém que já tenha passado pelo mesmo e que me possa ajudar?
Só de pensar em que pode ter sido recusado já me tira o sono!

Mensagens recentes

Tinha tudo para dar errado!!!

Estas semanas tem sida caóticas a todos os níveis.
As rotinas tem sido quebradas, o ambiente anda mais pesado, eu ando com menos paciência, tudo fatores que poderiam despertar crises no Martim. Mas pelo contrario, o rapaz anda super bem, anda numa que manda toda a gente ter calma e chega a ser ele a dar me colinho em momentos em que vou a baixo. As palavras já lhe saem mais declaradas com que faz que toda a gente o entenda, por isso as crises por frustração nunca mais voltaram a acontecer.
Fico tao feliz por ele conseguir crescer e evoluir no meio da tempestade.
Confesso que estava com medo destas mudanças todas mas ver o Martim a reagir tao bem só meu deu ainda mais força para seguir a cabeça e contrariar o mundo e aproveitar o caus para me levantar e dar a volta por cima.
O caminho é longo,mas sem duvida que estamos num bom caminho!


Estudo metabólico

Em Fevereiro o Martim fez um estudo metabólico juntamente com o estudo genético.
Na altura andei a perguntar a médicos ,a ver na net e nunca entendi o que era isso do estudo metabólico.
Sentia me uma parva,por mais que lesse ainda menos ficava a entender.
Quatro meses depois vieram os resultados,o Martim apresenta alteração nos valores normais. Terá de voltar a repetir,pois a medicação que ele toma poderá interferir nos resultados. Mas mesmo assim a medica falou com uma médica de doenças metabólicas e estamos a espera da opinião da especialista.
Eu sinto meia abananada, não estava a espera de mais uma queda,de mais um desafio.
Ainda por cima porque não entendo nada do que é isto é por mais que tente ler mais burra me sinto.
Alguem já passou por isto? Alguem que me possa ajudar?
É tão complicado gerir tanta coisa.

Um estilo,o meu estilo!

Todos nós temos vários estilos (roupa,comida,música,vida) que são muito evidentes no nosso dia a dia.
Que fazem de nós "diferentes" dos outros, que nós define, e que nos dá personalidade.
Para me conhecerem melhor hoje resolvi falar do meu estilo de vestir.
Sou fã de um estilo simples, descontraído mas ao mesmo tempo cuidado.
Mesmo com tanta simplicidade gosto sempre de dar um apontamento diferente. Muitas vezes recorro as sapatilhas para poder fazer essa diferença. Já que no no meu guarda roupa as calças de ganga,as camisas e blusas reinam e não dão lugar a mais nada.
Para​ vos mostrar um pouco desse meu estilo resolvi vos mostrar algumas peças,umas que tenho outras que ando a namorar.
Espero que gostem!!
Detalhes Detalhes Detalhe Detalhes Detalhes Detalhes Detalhes Detalhes Detalhes Detalhes

Vencedor do Passatempo Mustela

Hoje vim partilhar o vencedor do passatempo com a parceria da Mustela, a lancheira mais bonita de sempre e que os miúdos vão adorar!

A vencedora é :








Parabens!!!! Aguardo os dados para ser enviado o premio!

Palavras e afectos!!!

Sempre gostei muito de pessoas que soubessem falar,que abrissem a boca e que deixassem sem reação.
Que me envolvessem em palavras.
Mas estes dias em que até a minha respiração me incomodava,descobri que nem também sou apaixonada por gente de afectos. Simples afectos que nos dizerem tanto e nos aquecem o coração.
Dei por mim a dar mais valor aquele beijo na testa,aquela mão na minha cara, aquele aconchegante abraço, e aos maravilhosos beijos dos meus filhos.
Sempre lhes dei valor mas nunca senti que me estavam a alimentar,a transmitir segurança e amor,mas assim de tudo que me estavam a dar a mão para não cair.
Foram esses afectos que me fizeram reagir,que me deram força para me levar e lutar para ficar bem.
Sinto que sou uma sortuda por ter tanto mimo e tanta gente boa ao meu lado.
E com esta valente queda aprendi que as palavras e os afectos andam sempre de mãos dadas,cada um usado no momento certo!

O corte das asas

Sete e meia da manhã,dei entrada no hospital. Ele carregava as malas,eu medos, inseguranças e dúvidas.
Sempre em silêncio, silêncio esse interrompido pela enfermeira que nos recebeu, tentando quebrar aquele gelo.
Fomos encaminhados para o quarto onde me foi pedido para assinar o internamento.
O L  ia arrumando  as minhas coisas num armário enquanto me metiam a soro e me perguntavam sempre​ se estava bem.
Passados uns dez minutos fui levada,o L foi comigo até a porta do bloco sempre a dizer me que tudo ia correr bem. Sorria mas lá no fundo sabia que nada ia ser como pensado.
Estava cada vez com mais dúvidas e medos mas vieram me todas as recomendações a cabeça e vi que aquele era o melhor caminho.
Naquela sala gelada pedi a Deus para estar sempre comigo e com todos aqueles que amo.
Chegou a equipa e para meu espanto minha tia é a enfermeira que vai estar comigo,senti mais segurança.
Veio a anestesista que me e ali fiquei.
Só me recordo de acordar com a minha tia ao meu lado, explicou …